Buscar notícia:
Principal   Seções   Campeonatos   CBJD   Colunas   Clubes   Vídeos   Institucional   Programação   Cadastre-se   Contato
 
COLUNA: BALEIA
Baleia


01/11/2019 - Sexta-Feira
# GP do MEXICO – Adiando a festa
 


A Mercedes mostrou outra vez que não precisa ter o carro mais veloz para vencer seus adversários. O favorito e pole Max Verstappen foi o primeiro a ajudar os germânicos. Depois de conseguir a pole foi muito sincero na coletiva pôs classificação, foi tão sincero que os comissários o acharam meio que arrogante.

E assim em vez de ter sua ultima volta anulada, ganhou uma punição e caiu do lugar de honra para o quarto posto. Essa punição veio por que Max não respeitou uma bandeira amarela quando Bottas achou o muro na ultima curva ao fim da classificação..

Mais. As trapalhadas de Max não se ceraram por ai. Depois da largada ele se tocou com Lewis e acabou levando a pior, caiu para oitavo e logo foi obrigado parar para trocar pneus. Ao final da quinta volta ele cruzou em ultimo. Se tivesse largado da pole o resultado da etapa poderia ser outro. E eu que achava Max já estava um pouco mais maduro.

Massa embolorada. A outra ajuda aos germânicos veio dos italianos. Que novamente perderam uma corrida que deveria ser deles. Os estrategistas da equipe italiana precisão urgentemente ter umas aulinhas com os alemães. Leclerc herdou a pole e mandava na corrida e Vettel o acompanhava. Ate que na volta 15 ele trocou pneus.

Depois dessa mancada dos macarrônicos no seu segundo pit stop uma roda demorou muito para ser substituída e ai a corrida do jovem monegasco acabou de afundar, terminou no quarto posto quando poderia ter ganhado. Restou a ele o ponto da melhor volta.

De novo. A precisão alemã o equilíbrio do carro e a paciência de Lewis foram o suficiente para vencer outra etapa sem tem o carro de maior velocidade. E assim como aconteceu na Hungria uma estratégia ousada foi a tônica da vitória.

Na Hungria assim como agora no México Lewis Hamilton duvidou da estratégia traçada para ele. Depois reclamar no radio algumas vezes. Seu engenheiro apenas disse; você vai conseguir. Depois da troca de Ricciardo na volta 50 esse mesmo engenheiro foi ao radio e disse para Lewis que o canguru fez cinquenta voltas com os pneus duros desde a largada e Max vinha desde a quinta volta com eles. Ai inglesinho sossegou e pediu silencio no radio.

Vai saber. A festa do pódio foi demais, como sempre acontece nesta pista. A grande novidade foi o carro e piloto vencedores subirem ao pódio juntos. No melhor estilo americano. Agora o me deixa intrigado é se: a Ferrari ajudou Vettel ou atrapalhou a corrida de Leclerc. Uma coisa é certa Lewis e seu grupo de estratégia tomou outra vitória era dos italianos.

Desmoronou. A Mc Laren vinha sendo até aqui a melhor do resto. Porem algo muito ruim aconteceu no Hermanos Rodrigues. Na classificação foi tudo normal, a dupla Sainz Jr e Norris foram os melhores excluindo as três grandes, porem na corrida até pareceu que pegaram emprestado os carros da Haas e pintaram de laranja. Fi decepcionante, Sainz Jr amargou o decimo terceiro posto e Norris novamente abandonou.

Aproveitando. Como a Mc Laren não estava bem quem aproveitou a deixa foi o nativo Sergio Perez. Perez fez uma ótima corrida e travou belas disputas de posições. Fez o sétimo depois de largar de decimo primeiro. Quando não entrou para o Q3 por míseros milésimos.

Marcante. Daniel Ricciardo surpreendeu a todos ao conseguir realizar 50 votas com pneus duros. Colocar um jogo de pneus depois de vinte voltas e terminar é bem diferente de largar com eles quando o carro esta no seu peso máximo. A proeza lhe rendeu o oitavo posto depois de ter largado de decimo terceiro.

*Verstappen foi muito além, rodou da volta 5 ate ao final com os duros. Gasly fez uma corrida interessante largou atrás de seu companheiro que saiu de oitavo e chegou a frente do mesmo ao terminar em nono enquanto Kvyat fez o decimo primeiro.

Os organizadores da F1 trocaram as datas do GP do México com a de Austin, torcendo para que a festa do titulo fosse comemorada nos EUA. E deu certo. A decisão tem tudo para ser neste domingo em Austin.

Programação do GP de Austin.

Sábado – 3º Treino – 15:00 – SPORTV2

Sábado – Classificação – 18:00 – SPORTV2

Domingo – Corrida – 16:10 – SPORTV2

Segunda-Feira – Compacto da Corrida – 00:55 – GLOBO


 
 
   
 

Colunas
 
 
Coluna do BALEIA
 
Dakar – Terceira fase
Veja todas as colunas deste colunista.
 
 
Coluna do BALEIA
 
Profetizando
Veja todas as colunas deste colunista.
 
 
Coluna do BALEIA
 
#21- Yas Marine – A despedida de 201
Veja todas as colunas deste colunista.